Agendamento
Telefone: (55) 11 3062-0517

Já existe evidência científica de que o tratamento com células tronco funcione no tratamento de doenças da retina?

Não!!

Infelizmente ainda não é possível tratar pacientes com doenças da retina com o uso de células tronco. Nos melhores resultados científicos publicados observou-se que a injeção destas células não piora a doença, mas não existe NENHUM trabalho científico sério que comprove que este tratamento seja eficiente (que melhore a visão do paciente quando comparado a um grupo controle). Se tivéssemos que responder a esta pergunta com apenas uma palavra seria “Não”. As pesquisas avançam rápido, mas até esta data (Dezembro de 2013) ainda não temos conhecimento de nenhum tratamento comprovado para estas doenças envolvendo células tronco.

Infelizmente podem existir médicos que agem de má fé, buscando apenas benefícios econômicos ao oferecer “tratamento com células tronco”. Por favor seja crítico ao observar que tratamentos experimentais só são oferecidos em algumas clínicas particulares ou mesmo em instituições que não publicam seus resultados comprovando o benefício do tratamento (incluam-se nesta lista hospitais em Cuba e outras clínicas no Brasil e América Latina).

Como regra este tratamento deve ser realizado como parte de protocolo de pesquisa, sem qualquer gasto do paciente para participar – nem mesmo exames para saber se o paciente pode ser beneficiar participando de um estudo. Isso é uma regra ética que tem como objetivo proteger os pacientes de “pesquisas” que visem lucro e não seu bem estar.

 

Artigo escrito pela equipe da Clínica Belfort. Proibida reprodução parcial ou total sem autorização. Este artigo contêm apenas informações gerais sobre doenças oculares e não substituem a avaliação por oftalmologista.

A Clínica Belfort possui a solução mais completa para as doenças oculares. Além de tratamento com os melhores profissionais do país, a clínica conta com os mais diversos exames e cirurgias oftalmológicas.

Para agendar uma consulta com a nossa equipe, é só entrar em contato por e-mail ou ligar em um dos nossos telefones.

Perguntas Frequentes