Agendamento
Telefone: (55) 11 3062-0517

Trauma ocular é o nome da doença causada por acidentes com os olhos que incluem pancadas, perfurações e queimaduras. O olho é um estrutura muito delicada e, apesar de estar bem protegido dentro do crânio e pelas pálpebras, pode ser machucado por traumas como boladas, socos, batidas e mordida de animais, entre outros. Nestes casos é importante examinar o olho com cuidado para identificar perfurações, sangramentos, aumento da pressão e descolamentos de retina.

O trauma ocular é causa de cegueira de mais de 500 mil pessoa por ano em todo o mundo. No caso de um trauma ou acidente na região dos olhos deve-se procurar um oftalmologista assim que possível para garantir que o olho não tenha sido afetado ou, no caso de lesão ocular, tratar de maneira adequada.

Causas

Causas de trauma ocular incluem acidentes de trabalho, acidentes de trânsito, traumas na prática de esporte e ferimentos em brigas. Infelizmente também é relativamente comum no ambiente doméstico.

Infelizmente ainda são muito comuns os traumas em ambiente de trabalho, geralmente pela falta de equipamento de proteção individual. Entre os esportes são comuns acidentes em esportes com contato como basquete (geralmente lesão pela mão ou cotovelo de outro jogador), além de esportes com bolas pequenas que podem atingir diretamente os olhos como paintball e golf.

Sintomas

Os sintomas do trauma dependem de que parte do olho foi afetado. Varia desde apenas sensação de irritação e olho vermelho, até dor e baixa de visão. Qualquer trauma que envolveu o olho merece ser examinado por um oftalmologista.

Tratamento

Assim que possível o oftalmologista deve examinar o olho e determinar se há lesão. Claro que nos casos mais graves ou de traumatismo craniano primeiro o paciente deve estar estável para que possa examinado. O oftalmologista vai medir a visão e determinar se o olho foi afetado pelo trauma. Como regras gerais, evite pingar colírios ou apertar os olhos depois de um trauma antes que você seja examinado. O tratamento depende das lesões e pode ser realizado com colírios para desinflamar o olho ou até mesmo cirurgia, nos casos mais graves. Muitas vezes é necessário acompanhar o paciente e re-examinar até que a lesão cure.

Prevenção

Infelizmente, apesar dos avanços da medicina, muitas vezes é impossível curar o olho que sofreu um acidente grave, Desta maneira, a prevenção das lesões oculares é fundamental. use óculos de proteção quando for trabalhar com ferramentas elétricas e bater ferro contra ferro (como pregar, etc), além de usar cinto de segurança no carro. Também é fundamental utilizar protetores para a prática de esportes que possam machucar os olhos (como paintball e baseball), além de não permitir que crianças pequenas brinquem com objetos pontudos e nem que animais de estimação (principalmente cachorros) cheguem perto do rosto de crianças pequenas. Também devemos ensinar que não devem brincar de atirar objetos contra o rosto ou olho das pessoas.

Artigo escrito pela equipe da Clínica Belfort. Proibida reprodução parcial ou total sem autorização. Este artigo e vídeo contêm apenas informações gerais sobre doenças oculares. Este texto não substitui a avaliação por oftalmologista.